Pages Menu
Facebook
Categories Menu

D&H | 1 comentário

Cerveja Emagrece?


Clique no +1 e ajude Dietas e Hábitos.com.br crescer!!

Cerveja Emagrece?


Após a divulgação da pesquisa de cientistas da Universidade de Granada e do Conselho Superior de Investigações Científicas da Espanha, em que os acompanharam 1.249 voluntários com mais de 57 anos, detectou-se que havia pessoas que tinham uma dieta balanceada e bebia cerveja moderadamente e até emagreciam. Veja mais:

Pois bem, a pesquisa resumiu que a questão de engordar ou emagrecer estava mais ligada ao que estava nos pratos dos pacientes do que com o tamanho do copo de cerveja!

A bebida feita da cevada tem lá seus benefícios — ela, por exemplo, possui cálcio, um mineral conhecido por combater a obesidade. Também, a famosa gelada ainda está associada a um menor risco de desenvolver diabete e pressão alta. A cerveja, portanto, é uma alidada do sistema cardiovascular.

Porém, o que é beber “com moderação?”. Segundo a pesquisa espanhola, um copo por dia já é mais do que suficiente. E isolada, ou seja, não vale acrescentar aqueles aperitivos engordativos, bem conhecidos nas mesas de bar.

Difícil? Talvez. Mas é muito mais fácil do que perder as gordurinhas adquiridas pelas fritas ou refrigerantes.

O grupo de cientistas liberou o consumo de cerveja para atletas. Os pesquisadores recrutaram 16 homens saudáveis, com idade entre 20 e 30 anos. Todos praticavam atividade física e tinham o corpo em dia. Eles foram colocados para correr em esteira durante 60 minutos a uma temperatura ambiente de 35 °C, com um intervalo de três semanas entre cada uma delas. Um grupo matou a sede com água e outro basicamente com 1 garrafa de 660 mililitros de cerveja.

A cerveja foi foi capaz de restabelecer as perdas hídricas de maneira tão eficiente quanto a água e sem nenhum prejuízo aparente. Em outras palavras, a cerveja pode ser usada para hidratar o corpo após a atividade física. “Uma lata de 356 mililitros contém 326 de água”, justifica Antonio Carlos L. Campos, professor de nutrição da Universidade Federal do Paraná.

Há, contudo, profissionais médicos que são contra o uso da cerveja para hidratação. É o caso de José Kawazoe Lazzoli, presidente da Sociedade Brasileira de Medicina Esportiva. “Ela não traz nenhum benefício para atletas ou praticantes de atividade física”, já que “Para exercícios com duração acima de uma hora, é importante a reposição de água, carboidratos e eletrólitos, substâncias encontradas em bebidas isotônicas.”

A cerveja tem considerável atributo nutricional porque o lúpulo e o malte, ingredientes da fórmula dessa preferência nacional, contêm doses generosas de folato. Entretanto, o álcool poderia dificultar a absorção da vitamina, não se sabe o quanto.

Cerveja X Dieta

Apesar de ninguém considerar um pecado muito grande a cervejinha do final de semana, as bebidas alcoólicas podem ser a culpada por não funcionar sua dieta:

  • O álcool têm quase o dobro de calorias que proteínas e carboidratos!
  • O álcool não traz sensação de saciedade. É fácil não contar o quanto de cervejinha tomamos!
  • Álcool (em excesso) pode prejudicar estômago, rins e fígado! A digestão do álcool irrita as paredes do estomâgo e então diminui a eficiência da digestão, o que acaba por diminuir o metabolismo e a perda de peso. O fígado é afetado e ele é fundamental para o processo de emagrecimento.
  • O álcool interfere nas taxas de testosterona! (prejudicando o aumento do consumo energético)
  • Álcool aumenta o apetite! Pesquisas no Canadá e na Dinamarca comprovaram que as pessoas que ingerem bebidas alcóolicas antes ou durante as refeições tendem a comer mais que as outras.

Dicas para quem não quer Largar o Álcool:

  1. Opte por bebidas menos calóricas e mais saudáveis, como o vinho, por exemplo.
  2. Evite drinks elaborados (com leite condensado, creme de leite, etc). Como são mais docinhos, é mais fácil perder o controle e eles são bombas calóricas!
  3. Opte por acompanhamentos saudáveis: queijo minas, picles, frios light.
  4. Ao beber cerveja, intercale com água e refrigerantes zero (para beber menos).

Dá para Emagrecer Bebendo?>

Um dos homens mais famosos no emagrecimento, Dr Atkins (ver a Dieta do Dr. Atkins) esclarece que “Existe um grande problema nas bebidas alcóolicas, que me leva a desaconselhar seu consumo. Álcool será o primeiro combustível usado para gerar energia. Enquanto ele estiver no organismo, seu corpo não queimará gordura. O álcool não impede a perda de peso, mas atrasa o processo.”.

Portanto, se você ainda insiste em manter o hábito da cervejinha, tente adaptar-se a hábitos saudáveis como beber menos e nunca combinar a bebida com os acompanhamentos calóricos!

De qualquer forma, carpe diem!

Veja também as dietas que usam os mesmos princípios do Dr. Atkins:

Dieta da USP

Dieta de South Beach

Dieta de South Beach Aditivada


1 Comentário

  1. Olá … Tenho 71 anos, passei por vários problemas de saude.Hoje tomo minhas cervejas, todos os dias. Não me considero alcooltra, mesmo porque fico alguns dias, de vez em quando sem tomar. Trabalho no meu escritorio, me alimento normalmente e visito meu médico a cada 60 ou 90 dias. Faço exercícios e tenho boa saude, graças a Deus. Um abraço.(gosto muito de DIETAS & HABITOS)

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>